Logo Blog de Viagens com Dicas e Roteiros

Você já pousou num dos lugares mais incríveis do planeta e não vai mergulhar porque achou muito caro? não, não pense desta forma. Se não fizer pelo menos um batismo, seguramente cairá em arrependimento mortal, pois saiba que aqui é um dos melhores points de mergulho do planeta. Sonho de 10 entre 10 mergulhadores, lugar que proporciona a maravilhosa experiência de estar lado a lado com peixes enormes, às vezes em cardumes, além do ambiente submarino vulcânico ter sua beleza particular.

Bem pertinho de Santiago estão as estações de esqui mais famosas do Chile, Farellones e Valle Nevado. Muitos não aprovam um bate e volta por achar que é pouco tempo para cada estação, não aproveitando bem as atividades que cada uma oferece. Nós optamos pois ninguém tinha prática em esquiar, por estes motivos a ida a Valle Nevado foi apenas para conhecer o complexo, pois passar o dia todo lá para quem não está acostumado a esquiar tende a ser muito cansativo e caro.

Você já imaginou visitar uma ilha do Pacífico para observar a terra em sua criação? caminhar em campos de lava e admirar os animais bem de perto sem sentir nenhum receio? e que tal uma cervejinha na praia para ver o por-do sol junto das iguanas? pois então, os anfitriões irão lhe proporcionar momentos inesquecíveis porque Isabela é a ilha que apresenta maior variedade de espécies animais, além de possuir a maior extensão com 5 vulcões ativos que ainda podem ser explorados pelos viajantes. Quer saber mais?

Muitos turistas quando estão em Santiago ficam indecisos para onde ir, pois a capital oferece diversos destinos turísticos, porém um só recentemente começa a figurar em todos os roteiros chilenos, a linda e exuberante região de Cajón del Maipo. Dentre tantos atrativos, como banhos termais, rafting, trekking, lagunas e vulcão, destacamos um dos principais pontos turísticos do Chile, Embalse el Yeso, localizado a duas horas e meia de Santigo (73 Km), perto de San Jose del Maipo.

Este é um dos destinos mais cobiçados pelos amantes da natureza por apresentar incríveis cenários onde você pode desfrutar de toda beleza, tudo muito de pertinho de animais que só existem lá. E não precisa levar dois dias para chegar, pois ao contrário daqueles longos e exaustivos percursos com vários trechos e baldeações para uma viagem desse tipo, o trajeto é tranquilo e pouco cansativo. Neste Patrimônio Natural da Humanidade de Galápagos, a ilha de Santa Cruz pode ser perfeita para você permanecer alguns dias realmente inesquecíveis da tua vida.

Como estávamos hospedados em Santiago, realizamos “bate e volta” para conhecer as cidades de Valparaiso e Viña del Mar, porém vale muito a pena reservar um dia inteiro para cada uma delas. As duas cidades estão a pouco mais de 100 Km da capital e são banhadas pelo Oceano Pacífico, formando a região litorânea mais famosa do Chile. Valparaíso é conhecida como Valpo, e surpreende a todos pelos cerros, arquitetura, história e gastronomia, já a charmosa Viña del Mar, se destaca pelas praias, jardins e casas de veraneio.

O​ ​Equador​ ​é​ ​um​ ​dos​ ​menores​ ​países​ ​da​ ​América​ ​do​ ​Sul,​ ​porém​ ​é​ ​um​ ​dos​ ​mais biodiversos​ ​do​ ​mundo​ ​com​ ​4​ ​regiões​ ​totalmente​ ​distintas​ ​do​ ​ponto​ ​de​ ​vista​ ​ecológico​ ​e geomorfológico.​ ​Imagine​ ​​ ​que​ ​se você​ ​fizer​ ​um​ ​roteiro​ ​de​ ​leste​ ​a​ ​oeste​ ​neste​ ​país,​ ​irá​ ​passar​ ​nada mais​ ​nada​ ​menos,​ ​do​ ​que​ ​pela​ ​Amazônia,​ ​Cordilheira​ ​dos​ ​Andes,​ ​montanhas​ ​baixas,​ ​até alcançar​ ​a​ ​região​ ​litorânea​ ​do​ ​Pacífico​ ​com​ ​praias​ ​e​ ​planícies​ ​de​ ​manguezal.​ ​Acabou? não!​ ​de​ ​quebra,​ ​o​ ​arquipélago​ ​de​ ​Galápagos​ ​foi​ ​anexado​ ​ao​ ​seu​ ​território​ ​exibindo​ ​toda aquela​ ​maravilha​ ​em​ ​vida​ ​selvagem.

Galápagos é o sonho daqueles que trocam qualquer destino famoso pela natureza em seu estado mais puro e selvagem. Um verdadeiro santuário onde a rica biodiversidade permitiu ao naturalista britânico Charles Darwin desenvolver sua teoria sobre a evolução e seleção natural das espécies. Seus visitantes são pessoas geralmente mais conscientes nas questões ambientais e se preocupam mais com os impactos que possam causar nos ecossistemas.

Passear no Chile é bom demais e para os amantes do vinho é melhor ainda. A topografia aliada ao clima e um solo propício, produzem um excelente ambiente para o cultivo de uvas. Esses fatores acarretaram no surgimento de várias vinícolas, fazendo com que o país ocupe uma posição de destaque no cenário mundial na produção de bons vinhos. Centenas dessas vinícolas são abertas à visitação pública, criando assim um novo segmento para o turismo no Chile, o turismo de vinho.

A bela e mais importante cidade do Chile, a capital Santiago, recebe de braços abertos os que por ali aportam. E tudo isso vem junto com a adrenalina para os que chegam por via aérea, pois da janela do avião é possível ver boa parte da Cordilheira dos Andes coberta de neve em qualquer época do ano, principalmente no inverno. São imagens que realmente merecem algumas fotografias, porém quase sempre é acompanhada por turbulências, causadas pelos fortes ventos vindos das altas montanhas que circundam a capital.