Logo Blog de Viagens com Dicas e Roteiros

Bonito: Roteiro de cinco dias

Com muita diversão e aventura

Bonito

Bonito no Mato Grosso do Sul é um daqueles lugares que todo turista sonha em conhecer e com a gente não foi diferente, aproveitamos uma boa promoção de passagens aéreas é partimos para cinco dias de muita diversão e aventura. Nossa primeira escala foi Campo Grande e de lá percorremos cerca de 300 km de carro em estradas bem asfaltadas e com pouco transito.

Bonito nos surpreendeu positivamente, apesar de achar os preços dos passeios relativamente salgados, mas em compensação é tudo muito bem organizado. A maioria dos passeios são com dia e hora marcados e existe um número limitado de turistas em cada um deles, então é necessários agendar nas operadoras, com antecedência, sob pena de não conseguir os mais concorridos. Todas as operadoras praticam os mesmos preços, portanto a diferença para conquistar clientes é o bom atendimento.

Bonito
Centro de Bonito
Bonito
Praça dos Peixes
Bonito
Fazenda São Francisco

O cuidado com a preservação do meio ambiente também é um ponto positivo, boa parte dos passeios são feitos em propriedades particulares e os proprietários para receber os benefícios precisam seguir rigorosas regras de preservação determinadas pelos órgãos de controle ambiental.

Nesse post descrevemos todo o nosso roteiro, os passeios que fizemos e damos dicas de hospedagem e alimentação, então Benvindo à Bonito!!

Quanto tempo reservar para essa viagem?

Cinco dias inteiros são suficientes. Alguns passeios são iguais, o que muda é o cenário, por exemplo, você pode fazer flutuação no Rio da Prata, no Rio Sucuri ou no Rio Formoso, é claro que se tiver tempo e dinheiro vale a pena fazer todos. Alguns passeios duram o dia inteiro, mas a maioria é de meio período, o que dá pra montar uma boa programação e se divertir bastante.

Como chegar em Bonito?

Campo Grande, porta de entrada para Bonito fica a cerca de 300km. E partindo de lá existem três maneiras de se chegar na cidade, de Van Compartilhada, ônibus ou carro. Vamos a elas.

De Van compartilhada
(Transfer)

As Vans compartilhadas são uma boa opção, principalmente se estiver sozinho ou em um grupo pequeno em que o preço do aluguel de um carro pode pesar um pouco. Elas saem do aeroporto de Campo Grande e levam entre 3 horas e meia a 4 horas para fazer o percurso. Ha vários horários e os preços variam entre R$ 80,00 e R$ 100,00 cada trecho. O ideal é consultar uma operadora e deixar agendado. A Bonito Way e a Agência Praia Parque (67) 3255-6300, são as que indicamos.

De Ônibus

O ônibus é outra opção, o tempo de viagem é em torno de 5 horas e meia, a empresa que faz esse percurso é a Viação Cruzeiro do Sul, a passagem custa R$ 65,11 e pode ser comprada pela internet, mas lembre-se que se você chegar a Campo Grande pelo aeroporto ainda terá que pagar um táxi ou pegar um ônibus municipal para chegar a rodoviária. Recomendaríamos o ônibus em duas situações, se chegar a Campo Grande pela rodoviária, ai é só trocar de ônibus ou se chegar em Campo Grande fora dos horário das Vans.

De Carro

No nosso caso esta foi a melhor maneira de ir para Bonito a partir de Campo Grande, principalmente porque estávamos em grupo de 8 pessoas, facilitando a divisão do aluguel de dois carros. Pagamos R$ 1.610,00 por 7 dias por dois Voyages, que acabaram se transformando em um Versa e um Duster (Ganhamos um upgrade!). Como vê, somente os preços dos transferes já pagariam os carros. Além disso, em Bonito, na maioria dos passeios você tem que chegar ao local por conta própria ou contratar um transfer, o que fez com que economizássemos nesse item.
Foi muito fácil chegar em Bonito de carro, o GPS informou certinho o trajeto, basta pegar a BR-060, a estrada é muito boa, com pouco tráfego e com retas longas, tudo perfeito pra você se desconcentrar, portanto ATENÇÃO!!
Você só deve prestar atenção para o trecho entre Nioaque e Sidrolândia, pois não há postos de combustíveis nem paradas para banheiro nesse trajeto.

Você ainda pode chegar a Bonito de Avião

Existe ainda um outro meio mais rápido mais também bem mais caro de chegar a Bonito, a Azul Linhas Aéreas faz dois voos semanais, as quartas e domingos com conexão em Campinas.

Onde se hospedar?

Bonito
Bonito é uma cidade pequena com uma rua principal, a Cel Pilad Rebuá, onde estão a maioria das lojinhas de artesanatos, operadoras de turismo, bares e restaurantes. O trecho entre a Praça da Liberdade, mais conhecida como Praça do Peixe e a Rua Afonso Pena, é o de maior movimento. Se você está de carro tem mais opção de hospedagem porque existem inúmeras pousadas nos arredores, mas se está a pé, o ideal é ficar perto do centrinho. Nós optamos pelo Che Lagarto Hostels que fica a cerca de 1km do centrinho. A rede Che Lagarto tem hotéis em várias cidades brasileiras e também na Argentina, Uruguai, Peru e Chile. O hostel é muito bom, o preço é justo e recomendamos.

Onde comer?

Quando viajamos gostamos de experimentar as iguarias do lugar, e os restaurantes de bonito oferecem uma infinidade de pratos regionais que você não pode deixar de experimentar. A carne de jacaré (criado em cativeiro), o pintado, o dourado, o Pacú e o Pirarucu são alguns exemplos, mas também existem Self Services com opção à quilo. Selecionamos 5 opções, um pra cada dia de estadia.

Pantanal Grill
Rua Cel Pilad Rebuá, 1808
A melhor opção para comer carne de Jacaré, não é barato, mas vale a pena experimentar.

Casa do João
Rua Nelson Felício dos Santos, 664A
Fica próximo à praça do peixe, pra gente o melhor custo x benefício, comida boa, ambiente agradável e lá eles servem um Pacú na brasa delicioso. Também tem petisco e os preços são razoáveis.

Taboa
Rua Cel Pilad Rebuá, 1837
Também bastante procurado, nos finais de semana rola uma música ao vivo.

Toca do Peixe
Rua 15 de Novembro, 782 (Em frente a Praça dos Peixes)
Muito procurado, a comida é boa e os preços bem em conta, vale a pena conhecer.

Sale & Pepe
Rua 29 de Maio, 971
Essa foi uma dica que recebemos, o lugar é bem gostoso e experimentamos uma piraputanga sem espinhos.

Vício da Gula
R. Cel. Pilad Rebuá, 1.852
Essa Cafeteria e Doceria é o que há de melhor em Bonito. No fim da tarde, depois de um dia inteiro de passeio nada melhor do que um café com os quitutes mais saborosos da região.

Palácio dos Sorvetes
R. Cel. Pilad Rebuá (esq. R. Sen. Filinto Müller)
Uma infinidade de sabores do Cerrado. Vale a pena experimentar o sorvete de Jaracatiá, quem prova não quer saber de outro sabor.

O que tem pra fazer em Bonito?

Como já mencionamos, alguns passeios em Bonito são redundantes mudando apenas o cenário. Pode-se dividir em 5 grandes grupos, passeio às grutas, às cachoeiras, aos balneários, flutuações e ainda colocaríamos um sexto, o Pantanal, que são visitas de dia inteiro às fazendas pantaneiras. O ideal é fazer pelo menos um de cada. Alguns desses passeios duram o dia inteiro e incluem refeição. Os passeios mais procurados são as flutuações, também pudera, os rios da região são conhecidos como os mais cristalinos, permitindo visibilidade de mais de 40m. Como também já relatamos os preços são tabelados e podem ser consultados no site www.atrativosbonito.com.br/preços

Esse foi o nosso roteiro de passeios

Dia 1
Gruta do Lago Azul: é um passeio de contemplação que dura meio período e fica a cerca de 20km de Bonito. Logo na entrada você recebe um número indicando o grupo a que você pertence. Uma caminhada de aproximadamente 300m até a entrada da caverna, onde já se pode ter uma ideia de sua beleza. A descida é feita por uma escadaria de quase 300 degraus e logo se avista um lago com águas azuladas.

Duração: Meio período
Distância de Bonito: 20 km
Importante: Obrigatório o uso de tênis

Bonito
Gruta do Lago Azul

Bote no Rio Formoso: No receptivo existe uma boa estrutura para receber os turistas com diversos decks, piscinas naturais e cachoeiras para banho. Depois de pegar seu colete, que já esta incluso no preço, uma van te leva até o inicio do percurso de 6km pelo Rio Formoso passando por três cachoeiras e duas corredeiras. Ah! Uma observação importante, eles só permitem o uso de câmeras presas em suporte de cabeça ou peito.

Duração: Meio período
Distância de Bonito: 12 km

Bonito
Foto BonitoWay

Dia 2
Fazenda San Francisco: Esta fazenda fica a a 162km de Bonito na região de Miranda no Pantanal Sul. É um passeio de dia inteiro, que começa com um safari fotográfico em um carro aberto para observação de animais da região como veados, jacarés, tamanduás e o Tuiuiú, ave símbolo do Pantanal. A tarde, depois de um delicioso almoço pantaneiro (Incluído) acontece um passeio de chalana com pescaria de piranhas e observação da fauna e flora. O passeio termina com um happy hour pantaneiro acompanhado por um delicioso caldo de piranha e um belíssimo por do sol pantaneiro.

Duração: Dia Todo
Distância de Bonito: 162 km
Importante: Almoço incluso

Dia 3
Cachoeira do Rio do Peixe: A Fazenda Água Viva é um local belíssimo que concentra inúmeras cachoeiras e piscinas naturais. O passeio é feito em duas etapas, pela manhã uma caminhada de 1600m, em passarelas de madeira e pontes suspensas, percorre as belas cachoeiras e piscinas naturais com paradas para banho e descida em tirolesa. A tarde após um delicioso almoço e um merecido descanso no redário, o passeio continua com outro percurso de 800m que passa por mais três locais de banho.

Duração: Dia Todo
Distância de Bonito: 35 km
Importante: Almoço incluso

Bonito
Cachoeiras do Rio de Peixe.

Dia 4
Boca da onça: Existem dois passeios, a caminhada de 4km passando por 11 cachoeiras, incluindo a Cachoeira Boca da Onça, que é a maior do Estado com cerca de 156m de altura e a belíssima cachoeira dos Macacos, com parada para banhos e o Rapel a partir de uma estrutura metálica com cerca de 90 metros de altura com uma visão espetacular do Canyon do Rio Salobra.

Duração: Dia Todo
Distância de Bonito: 59 km
Importante: Nesse passeio existe um desnível que é vencido atravez de uma escadaria de madeira de 800 degraus. Almoço incluso.

Bonito
Cachoeira Boca da Onça

Dia 5
Flutuação no Rio da Prata: A Flutuação é o principal atrativo da cidade, quem vai a Bonito deve experimentar pelo menos uma vez. Existe vários locais, cada um com seu encanto, é como mergulhar em um grande aquário com de águas cristalinas. Nós optamos por fazer a flutuação no Rio da Prata. Esse passeio inicia com uma caminhada até a nascente do Rio Olho D’água acompanhado de um guia, lá você recebe as instruções e aprende a usar os equipamento (Marcara, snorkel), em seguida começa a percorrer tranquilamente os 2.200m levado pela suave correnteza.

Duração: Dia Todo
Distância de Bonito: 52 km
Importante: Os equipamentos para flutuação estão inclusos no valor. O passeio não oferece barco de apoio. Almoço incluso.

Bonito
Flutuação

Boia Cross: Metade do nosso grupo preferiu não fazer a flutuação por não se adaptar ao equipamento e seguiu para o Rio Formoso para se aventurar no boia Cross. O passeio inicia com uma caminhada de 900 metros até o rio, logo após começa a aventura em boias individuais passando por 08 corredeiras e também por águas calmas totalizando 1200 metros de rio, no final uma trilha de 200 metros leva os participantes até o receptivo do Parque Ecológico, onde os turistas poderão desfrutar dos decks da lagoa, passeios de caiaque e Standup, incluídos no pacote.

Duração: Meio período
Distância de Bonito: 7 km
Importante: o Almoço no local é opcional

DSCF8440 thumbnail

Essas dicas vão te ajudar na próxima viagem a Bonito? Escreva pra gente contando suas dúvidas ou dando as suas sugestões.

Veja todos os Posts sobre essa viagem a Bonito:

Bonito: Gruta do Lago Azul

Bonito: Fazenda San Francisco

Bonito: Cachoeira do Rio do Peixe

Bonito: Trilhas e Cachoeiras da Boca da Onça

Bonito: Flutuação no Rio da Prata

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *