Logo Blog de Viagens com Dicas e Roteiros

10 lugares imperdíveis da capital Chilena

O que fazer em Santiago
Palácio de La Moneda

Santiago é uma cidade segura, tem em seu Centro Histórico e bairros vizinhos muitos atrativos para conhecer, e pode facilmente ser explorada a pé. Na maioria dos hotel você encontra folhetos com a localização dos principais pontos turístico, e você mesmo pode programar o seu roteiro. Então é só colocar um calçado confortável, um pouquinho de disposição e pé na estrada! Você também tem a opção de fazer um tour guiado grátis, a pé, que acontecem de segunda a domingo das 10:00 as 15:00 hs, com ponto de encontro em frente a Catedral na Plaza de Armas. A gorjeta é opcional. Outra opção é realizar um City-tour com os ônibus hop-on hop-off da Turistik.

Santiago, o antigo e o moderno

Para visitar todos os atrativos de Santiago, reserve pelo menos 2 dias completos. Se você optar por um tour pelo centro histórico de Santiago, e se isto ocorrer numa segunda-feira, faça outro passeio, tipo uma vinícola, e deixe o centro histórico para a terça ou outro dia da semana, pois La Chascona, Cerro San Cristóbal e outros atrativos não abrem neste dia.

Confira os 10 lugares imperdíveis da capital Chilena

1 – Palácio de La Moneda

o Palácio de La Moneda, atual sede do governo, localizado na Plaza de la Constitución. Este palácio, construído inicialmente como fábrica de moedas do país, ficou ainda mais notabilizado pelo golpe militar ocorrido em 1973 pelas forças golpistas de Pinochet, que causou a morte do presidente Salvador Allende. A troca da guarda chilena, é visita obrigatória para todos os turistas, ela ocorre sempre às 10 horas da manhã em dias alternados.

Palácio de La Moneda
Cerimônia de troca da guarda

2 – Plaza de Armas

Próximo ao Palácio de La Moneda, no coração da cidade, a Plaza de Armas, considerada o marco zero da capital. Foi neste local que o conquistador espanhol Pedro de Valdívia fundou a cidade de Santiago em 1541. A praça conta com várias estátuas e esculturas e está circundada por diversas atrações históricas, tais como a Catedral Metropolitana e o Correio Central de Santiago, que se destacam entre as mais belas edificações da capital. A Catedral geralmente recebe muitos visitantes apaixonados por sua arquitetura durante o dia, pois não é difícil passar um bom tempo explorando os detalhes de seu interior. Outros prédios de destaque na Plaza de Armas são a Prefeitura e o Palácio de la Real Audiência, ou o Palácio Real, erguido em 1808, também conhecido como Palácio de la Independência, é onde também encontra-se o Museu da História Nacional.

Catedral Metropolitana

3 – Museu de Arte Pre-Colombiana

A praça é também um ótimo local para explorar as demais atrações do centro Histórico, pois ficam bem próximos a ela. Dentre outros atrativos citamos o Museu de Arte Pre-Colombiana, construído em 1807, em estilo neoclássico, fica a 200 metros da Plaza de Armas, na Calle Bandera e exibe um rico acervo com mais de três mil peças arqueológicas compreendendo um período histórico com cerca de 10 mil anos. Ali estão expostos estátuas, máscaras, vasos, tapetes, instrumentos musicais dos povos incas, maias, astecas e mapuches, entre outros. Nesta calle também estão a Biblioteca do Congresso Nacional e o Ex-Congresso Nacional (1901), este último é um edifício com arquitetura do neoclassicismo francês que representa a vida democrática do Chile, em seu interior há um jardim e uma estátua da Virgem Maria em memória das vítimas do incêndio da Igreja da Companhia de Jesus, que ali funcionava. Um pouco mais adiante na Calle Morandé ficam a Prefeitura de Santiago e Palácio Alhambra.

Museu de Arte Precolombino: Endereço: Calle Bandera 361 – Telefone: 56-02-688-7348
Horário: terça a domingo, das 10 às 18h

Museu Chileno de arte Precolombino

4 – Cerro Santa Lucia

No caminho em direção ao Cerro Santa Lucia, aproveita para passar pelo lindo Teatro Municipal, pela vermelha Basílica de La Merced e pelo imponente Museu Nacional de Belas Artes. Do ponto mais alto das colinas do Cerro Santa Lucía, depois de encarar centenas de degraus, deparamos com uma visão panorâmica da cidade com suas construções seculares disputando espaço com enormes e novos arranha-céus e com as Cordilheiras dos Andes ao fundo dando um toque especial ao cenário. Pelo caminho encontramos espécies da flora da região, chafarizes, estátuas e canhões e na fonte em estilo neoclássico, que lembra a romana Fontana di Trevi, jogue uma moedinha e faça um pedido, não custa nada arriscar.

Endereço: Avenida Bernardo O’Higgins 499 – Telefone: 56-02-6644220
Horário: Diariamente, das 9 às 19h

O que fazer em Santiago
Vista do Cerro Santa Lucia
Cerro Santa Lucia

5 – Mercado Central

Se por acaso estiver na hora do almoço, há muitas opções, porém não deixe de visitar o Mercado Central pelo menos uma vez. É parada obrigatória num tour por Santiago. O prédio de ferro fundido, construído em 1872, já é uma atração a parte e percorrer seu interior observando as várias barracas de frutas, e de uma variedade enorme de pescados e frutos do mar do Pacífico, também é imperdível. Nele encontram-se muitos restaurantes que oferecem, por exemplo, o caranguejo gigante das águas geladas do Pacífico (a centolla), e dentre eles um dos mais tradicionais da cidade é o Donde Augusto, porém com preço bem salgado. Mas existem outros restaurantes menores, onde você encontrará pratos a base de frutos do mar com bom preço.

Como chegar: San Pablo, 967
Metrô: Estação Puente Cal y Canto
Funcionamento:Abre de 2ª a domingo das 8h às 19h, inclusive feriados Entrada gratuita

o que fazer em santiago
Mercado Central
Interior do Mercado Central

6 – Passear pelo Bairro Bellavista

Bellavista é um dos bairros mais badalados de Santiago, fica entre o rio Mapocho e o Cerro San Cristóbal. A região conta com uma intensa vida noturna, com muitos bares, restaurante e casas noturnas. Um dos locais mais procurados é o Pátio Bellavista, o espaço reúne o melhor da gastronomia, cultura, lojas e artesanato.

Providencia

7 – La Chascona, Casa do escritor Pablo Neruda

Antes da subida ou na volta do Cerro San Cristóbal, vale uma visita a La Chascona, uma das 3 casas do escritor Pablo Neruda, prêmio Nobel de Literatura em 1971, hoje transformada em museu com um rico acervo, que fica localizada nas proximidades.

Endereço: Fernando Márquez de la Plata 192, Bellavista – Telefone: 56-02-777-8741
Horário: terça a domingo, das 10 às 19h, fecha 2ª e atende por ordem de chegada.

8 – Cerro San Cristóbal

O que fazer em Santiago
Funicular

O Cerro San Cristóbal, está localizado no Parque Metropolitano de Santiago, o maior da cidade. Existem várias maneiras para chegar ao topo do Cerro San Cristóbal, de funicular, de carro, de teleférico, de bicicleta ou até mesmo a pé, neste último caso, as trilhas ecológicas são demarcadas e bem arborizadas.
Para a inclinada subida pegamos uma espécie de trenzinho (funicular) parando próximo a uma escadaria que leva a uma enorme estátua da Virgem da Imaculada Conceição. No alto da montanha há vários mirantes com espetaculares vistas panorâmicas da capital, com a as Cordilheiras ao fundo. A área do parque abriga zoológico, centro cultural, parque infantil, jardim japonês, espaços para piqueniques, além de um teleférico.
Parque Metropolitano de Santiago: Endereço: Calle Pio Nono, 450, Bellavista Horário: segunda, das 13 às 20h; terça a domingo, incluindo feriados, das 10 às 20h Telefone: 56-02-730-1300
Funicular: Veja aqui os horários e tarifas

9 – Teleférico de Santiago

Depois de curtir a vista do Cerro San Cristóbal, a melhor forma de descer, sem dúvida, é de teleférico até a estação localizada no bairro da Providência. Este cartão postal que percorre um bonito trecho com mais de 4Km sobre a vegetação até o Bairro da providencia conta com 3 estações: Cumbre, que fica próxima à Virgem, no alto do Cerro San Cristóbal, Tupahue e Oasis que fica no plano, junto ao acesso de pedestres Pedro de Valdivia Norte, no finzinho desta avenida, este passeio pelo teleférico pode ser feito nos dois sentidos. Desta estação seguimos a pé até o maior shopping de Santiago, o Costanera Center, localizado no bairro da Providencia.

Horários e Tarifas: Acesse Teleférico de Santiago

Teleférico de Santiago

10 – Shopping Costanera Center | Torre Sky Costanera

O shopping em si, já é uma atração a parte, centenas de lojas e uma grande praça de alimentação, porém a mais nova e imperdível atração de Santiago, é o Sky Costanera, uma torre erguida junto ao shopping com 300 metros de altura, a maior torre da América Latina. O mirante fica no 62º andar, ou seja, no último andar do edifício, e a subida é rapidíssima, pois o elevador percorre os 300 metros em menos de 1 minuto. E lá se obtêm uma visão de 360º que contempla a capital e a Cordilheira dos Andes. O ideal é escolher um dia claro e se possível no inverno ou até meados da primavera, num horário por volta das 17 horas, para obter uma visão do dia e da noite de Santiago, e também dos picos nevados da Cordilheira e, lógico curtir o pôr do sol. Outra ótima opção para economizar tempo e conhecer o Shopping Costanera, é logo após uma visita vespertina a uma das duas vinícolas Concha y Toro ou Cousiño Macul, pois é justamente na estação do metrô Tobalaba, que é realizada a baldeação para a ida as vinícolas.

Para chegar: Pegue a linha 1/vermelha do metrô e desça na estação Tobalaba. Dentro do shopping, desça de escada rolante até o subsolo, é ali que fica a entrada para a torre.

Para saber os horários e tarifas: Clique aqui!

O que fazer em Santiago
Torre do Sky Costanera

Dicas de Santiago

Como ir do aeroporto ao Centro de Santiago

O Aeroporto Comodoro Arturo Merino Benítez está a cerca de 15 km do centro de Santiago e três são as principais opções de transporte para sair de lá rumo ao centro da cidade:
Ônibus: Opção mais barata para aqueles que querem economizar. Saem do primeiro andar do aeroporto e fazem paradas nas estações de metrô da cidade. As companhias que oferecem o serviço são a Tur-bus e a Centropuerto, com ônibus verdes e azuis respectivamente. Para pagamento, só são aceitos pesos chilenos em espécie.

Táxi: Opção mais cômoda e também mais cara para o turista. Os táxis, assim como o ônibus, saem do primeiro andar do aeroporto e possuem valor tabelado. As empresas que oficialmente operam no aeroporto são a Transvip, a Taxi Oficial e a Rádio Móvil, que funcionam 24 horas por dia.

Minivans: Assim como os táxis, levam o turista até o destino desejado, mas podem ser compartilhadas por até 8 pessoas (o que acaba barateando o custo se você viaja em um grupo grande). As companhias autorizadas a oferecer o serviço no aeroporto são a Transfer Delphos e a Transvip.
Vale lembrar que o metrô não chega ao Aeroporto Comodoro Arturo Merino Benítez, então essa não é uma opção para o turista!

Como se locomover em santiago

O transporte público em Santiago é bem organizado e eficiente, tendo como carro chefe o Metrô. As principais atrações, na sua maioria, são alcançadas por uma viagem rápida de Metrô e uma pequena caminhada. Veja as Opções.
De Táxi
São baratos, abundantes e podem ser uma boa opção para retornar a noite para o seu hotel, após o encerramento do Metrô. Lá como aqui, existem motoristas que gostam de dar golpes nos estrangeiros procure saber o valor da corrida que vai fazer e pergunte ao motorista o valor antes de entrar no carro. Ao pagar sem diga em voz alta o valor da nota que está entregando para que não haja dúvida.

De Ônibus
Os ônibus funcionam bem, mas só devem ser usado para ir a atrações que não seja possível chegar de Metrô, ou como complemento deste. É bom saber que os ônibus não aceitam pagamento em dinheiro, para usar o transporte você deve adquirir a Tarjeta BIP!. Essa tarjeta também são aceitas no metrô e podem ser recarregadas nas suas estações e em vários outros lugares. Veja Clicando aqui.

De Carro alugado
Santiago é uma cidade grande, com todos os problemas que uma metrópoles como esta têm, engarrafamentos, dificuldade para estacionar nas atrações, vias com pedágios, etc. Só indicaria o aluguel de carro para conhecer cidades próximas como Valparaíso e Vinã del Mar ou ir a atrações fora da cidade.

De Metrô
O Metrô de Santiago é um dos melhores da America Latina, tem estações bem próximas da boa parte das atrações. Possui cinco linhas que corta quase toda a cidade. As linhas vermelha e a verde são as mais usadas pelos turista por ser onde ficam a maioria das atrações. As estações são bem sinalizadas, seguras e possuem mapa com toda rede. Você pode pagar com a Tarjeta Bip! ou comprar o seu tíquete com dinheiro nas bilheterias. O horário de funcionamento é das 6h às 23h30min de segunda a sexta-feira, aos sábados das 6h30min às 23h30min e domingos e feriados das 8h às 23h. (Clique aqui e veja todos os horários e as Tarifas).

Veja também

Roteiro de onze dias pelo Chile

Como é o passeio a Vinícola Concha y Toro

Bate e volta a Vinã del Mar e Valparaiso no litoral Chileno

A bela região de Cajón del Maipo no inverno Chileno

Farellones e Valle Nevado, um dia para brincar na neve

Gostou? Compartilha!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Conversa com o Editor...

Você sabia que pode fazer as suas reservas de viagem aqui? É só acessar um dos links abaixo dos nossos parceiros, você não paga nada mais por isso e ainda nos ajuda na manutenção do Blog. Pense nisso na sua próxima viagem!!!
Obrigado!
Herbert Terra


Faça sua reserva de hotel pelo Booking.com , o maior site de reserva do mundo. É fácil, rápido, seguro e ainda tem muitas opções com cancelamento grátis e você ainda encontra os melhores preços. Sempre uso o booking nas minhas reservas.

Booking.com

Vai viajar? Não esqueça o seguro! Não é muito caro e ainda evita perrengues nas suas viagens. Use o comparador da SEGUROS PROMO para escolher seu seguro com o menor preço.
Ah! Você ainda ganha 5% de desconto usando o cupom TOPERAMBULANDO5. Aproveite!

Alugue seu carro aqui com a RentCars! Ela compara os preços de centenas de locadoras mostrando os melhores preços para o carro de sua escolha. Compare!!